Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Histórico
Início do conteúdo da página

Histórico

Publicado: Segunda, 15 de Julho de 2019, 10h09 | Última atualização em Segunda, 13 de Janeiro de 2020, 16h19 | Acessos: 186

O Curso de Direito da Universidade Federal do Amazonas foi criado em 17 de janeiro de 1909, por inspiração de um grupo de idealistas, sócios do Clube da Guarda Nacional. Assim, em sessão ocorrida naquele clube nasceu a então "Escola Universitária Livre de Manaós”.

A "Escola Universitária Livre de Manaós” foi criada com os cursos de: Engenharia Civil, Agrimensura, Agronomia, Indústrias, Ciências Jurídicas e Sociais, bacharelado em Ciências Naturais e Farmacêuticas  e Letras. Funcionou por trinta e três anos, após foi desativada e somente o curso de direito, então estatizado, continuou sua trajetória sem interrupções.

O Curso de Direito foi reconhecido em 8 de outubro de 1909, pela Lei n.º 601 que considerou “validos” os títulos expedidos por aquela Escola Universitária.

Em 12 de junho de 1962, através da Lei n.º 4069-A, foi criada a Universidade do Amazonas (UA), uma fundação de direito público mantida pela União, a qual absorveu a Faculdade de Direito. Era a federalização.

Por disposição da Lei n.º 10.468 de 20 de junho de 2002 a Universidade do Amazonas passou a denominar-se Universidade Federal do Amazonas (UFAM) como é conhecida até a presente data.

A Faculdade de Direito continua integrando o pool de faculdades e institutos, e, ao longo destes 111 (cento e onze) anos, já formou mais de 5.700 acadêmicos, muitos dos quais se destacam no cenário nacional, seja como juristas, seja como políticos.

O estudo de qualidade ministrado na FD/UFAM tem sido aferido continuamente nos exames da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), onde figura quase sempre em primeiro lugar no Estado do Amazonas. Tal mérito garantiu que por cinco vezes a FD/UFAM fosse agraciada com o “Selo OAB Recomenda”. Também tem se destacado em competições jurídicas como os júris simulados do Ministério Público e da OAB/AM; Competições de Arbitragem e de Direitos Humanos, no cenário nacional e internacional.

No âmbito da pós-graduação stricto sensu iniciou o Mestrado em Direito no ano de 2019, com a primeira turma em agosto de 2019. Já ofertou cerca de 40 Cursos de Especialização ao longo dos anos, e, no momento atual estão em desenvolvimento duas especializações: a) Direito Eleitoral e b) Políticas Públicas. Vale ressaltar que nos idos de 1923 a 1930, a Faculdade de Direito (então Universidade de Manaus) em convênio com a Faculdade Livre de Direito do Rio de Janeiro, promoveu um doutoramento de 9 (nove) docentes. No ano de 2003, via Minter firmado com a Universidade Federal do Pernambuco, qualificou 6 docentes.
Na pesquisa, os alunos, sob orientação dos professores, já desenvolveram 190 Projetos de Iniciação Científica nos últimos 7 anos, sendo: 20 no ano de 2019, 18 no ano de 2018, 40 no ano de 2017, 38 no ano de 2016, 35 no ano de 2015, 23 no ano de 2014 e 16 no ano de 2013. E na extensão, 27 projetos foram ou estão sendo desenvolvidos.

Portanto, a FD/UFAM é, por excelência, uma instituição de respeito e credibilidade, pois desde que surgiu no mundo jurídico amazonense, quiça nacional, nunca deixou de produzir conhecimento, fomentar a discussão política, e lutar pelo ensino de qualidade, sempre com o firme propósito de formar profissionais éticos, competentes e com visão humanista.

 

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página